Home

Técnico assume quando o time era o 15 colocado da A 3


Mestre Lorival Santos Técnico assume quando o time era o 15 colocado da A 3.

Hoje o ECO é novo líder do campeonato. A série A 3 do Campeonato Paulista aplaude o novo líder da temporada. O Esporte Clube Osasco fez 2 a 0 no XV de jaú, agora conta 48 pontos e assume a ponta do campeonato. Para um clube que já vinha brigando entre os favoritos , chegar a liderança não é nada assim fantástico. Afinal o primeiro pódio da A 3 já foi de várias equipes. Mas não é o caso do ECO. O Time amargou nas primeiras rodadas quando Orlando Bianchini era o treinador. Apenas uma vitória, três empates e três derrotas. Marcara 9 gols, contra 12. Números desastrosos e que derrubaram Bianchini de forma fulminante. Na oitava rodada o ECO jogou contra o Independente de Limeira no Rochdalão ( 3 a 3 ), com o preparador Claúdio Zurlo atuando como técnico interino. A partir da rodada seguinte, a nona, começa a era Lorival Santos e a ressurreição do Esporte Clube Osasco. Desde então a até a rodada de domingo em Jaú, o ECO conta 20 jogos com 12 vitórias, 5 empates e três derrotas. São 36 gols contra 19 - sob o comando do novo técnico. Dos 60 pontos disputados, Osasco conquistou 41, o que vale 68.4% de aproveitamento. Se o Lorival Santos tivesse iniciado conosco na A 3, hoje seríamos líder absoluto e com distância sobre o segundo colocado, garante Juvenal Ferreira, presidente do EC Osasco. Modesto á toda prova, o técnico divide as honras com a diretoria e com todo o elenco. Conta com um ambiente de trabalho livre de qualquer, com o presidente Juvenal dando rédeas soltas para Lorival Santos agir. Mas para tirar o time da 15 posição para a liderança da A 3, muita coisa rolou nos bastidores do grupo. Lorival Santos teve que pegar pesado com os jogadores, tanto que não poupou o centroavante Mendonça, afastando-o dos jogos. Uma medida radical, mas que hoje faz do atacante um exemplo heróico de companheirismo e de profissionalismo. Em Itápolis dia 2 contra o Oeste, ele ( Mendonça ) fez os dois gols do ECO ( 2 a 1 ). E foi uma vitória importante contra o então líder do campeonato, observou o técnico. Lorival Santos tem uma personalidade forte, e não dá chance para estrelismo. Se um atleta começa a se endeusar, o técnico manda o garoto para o banho frio, ou seja, deixa na reserva. Quem não se enquadra, não permanece, sustenta o professor. E em todas as aulas táticas e técnicas Lorival Santos repete incansavelmente a filosofia estratégica que trouxe do futebol europeu ( onde fez diversos cursos ) O todo é melhor que a soma de suas partes. Na rotina do futebol isso tem muito a ver. As partes são as habilidades individuais de cada jogador, e o todo é o futebol coletivo. Desde que assumiu o ECO, vinte rodadas atrás, Lorival Santos vem buscando a formação desse futebol coletivo. E uma outra sentença do técnico é lição diária para ao elenco : Quando a vaidade for maior que a vontade de vencer, o fracasso será inevitável. Sem uma equipe competente, nada será possível, reconhece o técnico, que elogia o trabalho do auxiliar Maércio, do preparador físico Cláudio Zurlo, do preparador de goleiros Gere, do massagista Zé Negão e do roupeiro Manu. É o Esporte Clube Osasco rumo á classificação, destacou. Quando questionado sobre a relação dele para com os jogadores, o técnico diz que tem conservas firme com eles, que muitas vezes é áspero, mas que na mesma medida é todo ouvido - até misturando o lado paterno. Se é a maneira mais correta ? Lorival Santos aponta para o gráfico de trabalho desde que assumiu o clube em 3 de março, na derrota de 2 a 1 para o Noroeste. O início árduo, mas com muito trabalho e determinação podemos agora festejar a liderança da A 3. Depois daquela derrota, o ECO perdeu mais duas partidas - nas dezenove seguintes. E foram doze vitórias, o que dá 60% de aproveitamento. A boa classificação do ECO e os números de um trabalho de equipe, cientifico e criativo.

Fonte - Diário da Região - Quarta-feira, 19 de junho de 2002.

Notícias
Próximo Ultimo
Lorival Santos © todos os direitos reservados